Tipos de rochas

   Rochas são seres magníficos.
   De várias formas, vários tipos e vários tamanhos, é difícil escolher a melhor. Mas não se engane com a definição dos demais sites de pesquisas. Então, aí vai a lista CONFIÁVEL sobre os tipos de rochas
Rocha Magmática
(olha só a cara de mau)
ROCHAS MAGMÁTICAS: rochas que se acham "as tais" por já terem sido lava um dia desses. Tem fama de mau, mas só fama. No fundo são umas frutinhas. Também tem outro nome, ígneas, embora não gostem de serem chamadas assim. Quando irritadas, pegam fogo (HAHAHA, entendeu a piada?). Resumido, são lava fria. Tem dois tipos de rochas magmáticas:





  • Vulcânicas: Pelo nome já da pra se ter uma ideia. Você provavelmente já viu um vulcão em erupção, seja na TV ou na vida real. As rochas vulcânicas são o magma do vulcão, só que frio. Mas ainda assim não é uma boa ideia leva-las para casa (elas são muito chatas e antipáticas pois lamentam o dia que deixaram de ser magma para virar rocha). São geralmente usados naqueles SPAS chiques que você nunca poderá ir, como um tipo de massagem. Essa é a unica utilidade da desgraçada.
  • Plutônicas: Não! Não são  rochas que vieram de plutão! São rocha magmáticas de pavil curto, que demoraram muito tempo para ficarem frias (Entendeu? Hahaha). Porém, no processo lerdo, elas tem mais minerais que sua irmã vulcânica. "Viu? E você disse que minha lerdeza nunca ia dar em nada", rocha plutônica zoando sua querida irmã. O granito é uma rocha plutônica, mas quem se importa (seu professor de ciências ou geografia, eu sei)?
Rocha Sedimentar
(repare em como o fóssil é fofinho)
ROCHAS SEDIMENTARES: Você está em cima de uma rocha sedimentar agora mesmo. Dessa você não sabia e nem queria saber, não é? Pois bem, as rochas sedimentares correspondem a 80% dos continentes desse planetinha lindo (Que bom). Conhecidas na escola com o apelidinho de "cemitério de pedra", pois abrigam fóssil de bicho morto (apesar de não existir fóssil de bicho vivo). Alguns de seus tipos:
  • Detrítos: Mais ou menos como "rochas franksteins", são feitas de restos de outras rochas. Um exemplo é o arenito, o argilito, o massinhademodelarito, entre outros.
  • Quimíogênicas (eita nome complicado): Feitas de substâncias da água, essas geralmentes sabem falar com peixes. Tem grande utilidade se você for um mergulhador, uma sereia ou até mesmo um peixe, o que eu duvido muito, peixes não tem internet.
  • Biogénicas: Essas rochas são sinistras, formadas por restos de seres vivos. Então, você poderá ser uma rocha depois da morte! Demais, não é? Um grande exemplo de rochas bioageniei... ann... dessa rocha aí, é o carvão. Tem grande utilidade se você estiver afim de fazer um churrasco.
Rocha que um dia já foi
um Quartzo, pobre rocha...
ROCHAS METAMÓRFICAS: Rochas  que surgem a partir da desgraça das outras. Quando a rocha fica deformada, ela se transforma em uma rocha metamórfica. Você não deve está se perguntando "Como?", mas vou responder do mesmo jeito: Surge uma luz do seu, um raio atinge a rocha deformada e, numa explosão, ela se transforma. Ou não. Porém, deixe sua pequena rochinha longe dessas rochas do mau, pois elas vão fazer de tudo para a sua se deformar.

Portanto, meu amigo leitor fã de rochas, quando seu professor pedir um trabalho chato pra caraca  sobre rochas, em vez de copiar da Wikipédia, copie daqui. E se o idiota reclamar, mande-o tomar naquele lugar...

Valeu por ler até o final,
   Amante de Rochas

Um comentário:

  1. kkkk nossa a partir desse dia vou tratar melhor as rochas

    ResponderExcluir

Comente!